Redes Sociais – Perfis influenciadores e o seu negócio

Se falarmos de Marketing Digital, conteúdo promocional ou redes sociais, em geral nos lembraremos de um grupo de pessoas que tem um papel “influenciador” nesse aspecto. Mas quem são essas pessoas míticas das quais estamos o tempo falando? Aonde e como podemos encontra-las? Qual a função do seu papel em relação a pequenos empresários?

Existem cinco tipos básicos de influenciadores em redes sociais que você deve estar atento. Quer saber quais são?

  • As borboletas sociais

Lembra-se da época do colégio? Sabe aquelas pessoas que pareciam conhecer todo mundo, em cada festa que estavam ou em cada canto que iam? Na web também existe esse tipo de pessoa. As “Borboletas Sociais” são aqueles indivíduos que conectam pessoas através de diferentes meios sociais. Se você precisa de um programador, ele conhece um. Se você precisa de alguém para escrever 100 convites de formatura para ontem, ele conhece alguém. Eles vão te conectar a outras pessoas porque tem prazer em gerenciar o relacionamento entre indivíduos nas redes sociais.

“Borboletas sociais” são valiosas para um pequeno empresário pela grande alcançabilidade de sua rede alcança. Formando uma estreita relação com esse tipo de usuário você terá acesso a todos os outros que está na sua rede. Você também vai garantir que a borboleta mencione o seu nome para seus contatos quando chegar a hora. E onde estão as “borboletas sociais”? Em toda parte! Para identificá-los, procure por grupos de contatos (via Twitter ou listas do Facebook ou grupos LinkedIn, por exemplo) e depois verifique os nomes que se destacam. Estas são as suas borboletas.

  • Líderes do Pensamento

Líderes do pensamento são as vozes que seus clientes confiam e ouvem na maior parte das vezes. Eles geralmente são as pessoas que você mais deseja que dêem um RT em um tweet seu ou que recebem mais comentários em seu blog por dia do que você receberia em um mês! Não é uma tarefa tão simples fazer com que um “líder do pensamento” te ouça, já que estão sempre inundados por mensagens. Contudo, com criatividade e partilhando com essa pessoa informações que são de interesse você poderá ser lembrado e, consequentemente, recompensado com a explosão de novos contatos em sua rede.

Líderes do pensamento pode ajudá-lo a construir sua própria fama, emprestando-lhe a sua. Quando twittar o seu material ou oferecer para ajudá-lo a um post no blog, você começa a tirar proveito de seu contato e aumentar os olhos das outras pessoas para o seu site. Se você está procurando “Líderes do Pensamento” em mídias sociais, não será difícil encontrar-los. Eles estão falando em conferências, recebendo citações, tem mais visualizações de perfil, e estão sempre sendo referenciado em tweets e posts de outras pessoas. Para obter o máximo de retorno procure se relacionar com líderes que são mais influentes em sua área de conhecimento e interesse.

  • Os lançadores de tendências

Cada setor tem seus próprios “lançadores de rendências”. Eles são os pioneiros e as pessoas que os outros escutam. O Trendsetters estavam no Twitter e no FourSquare antes de todo mundo e agora eles  devem estar testando uma nova rede social que você ainda não conhece.. Essas pessoas são, na maiorias das vezes, motivadas pelo ego e estão sempre em busca de novidades para que eles possam dizer a seus amigos que as encontraram primeiro. Eles adoram receber novidades e se encontram algo interessante vão ter orgulho de compartilhar com você  e todos os 5.000 de seus amigos mais próximos.

Formadores de opinião, são forças poderosas em mídias sociais por causa da sua necessidade de estar constantemente buscando e compartilhando coisas novas. Se você está procurando essas pessoas nas redes, você pode encontrá-los comentando sobre Mashable e twittando sobre sites e aplicações que você nunca ouviu falar.

  • Os Repórteres

Esse grupo inclui os blogueiros, jornalistas e agências de notícias que vivem e respiram a sua indústria. Eles são as que pessoas que você sempre vê em “via @fulano” ou “por @fulano” e você os vê constantemente porque eles escrevem sobre determinado assunto todos os dias. Este grupo é super importante porque através deles você poderá de comunicar com a imprensa, ser mencionado como fonte de notícias e ser linkado em novas páginas. Pequenos empresários devem buscar ao máximo o patrocínio por links de outros sites.

Se você for capaz de manter um relacionamento com um repórter ele poderá utilizar seu site como base de pesquisa e divulgação de material – e a melhor parte é que este perfil atinge a massa que realmente se interessa pelo conteúdo que é postado. Quanto antes você conseguir um contato “repórter”, melhor –  além de se inserir em sua área, o influenciador irá ajudar a disseminar o seu conteúdo na comunidade. Um vez identificados, procure criar uma lista com esse pessoal, a fim de otimizar suas próprias consultas aos materiais interessantes da área.

  • Os clientes de todos dia

Os “cliente de todo dia” tem menos influência do que os “Repórteres” ou as “Borboletas Sociais”, mas nem por isso são menos importantes. São as pessoas que geralmente vivem perto de você e que poderiam vir a gastar algum dinheiro ou investir em seu negócio. A rede social age como uma forma de manter contato com essas pesssoas e aproxima-las de sua empresa.

Esse grupo costuma ser esquecido quando se pensa nas estratégias e atingir um grande número de seguidores. Contudo, se um cliente fica satisfeito ele será um grande divulgador de sua marca, entre parentes, amigos e também no mundo virtual. Muitos negócios são fechados com base em recomendações anteriores, por isso esse grupo também deve ser visto com atenção. Se você procura por esse tipo de pessoa, os encontrará fazendo perguntas a perfis no Twitter, participando de discussões no Facebook ou em grupos no Linkedin. Apesar de desprentesiosos, são influentes quando é lhes dado voz ou o momento é oportuno.

Podemos dizer que esses são os principais grupos de influenciadores encontrados nas redes sociais hoje. Você incluiria mais algum? Se encaixa em algum grupo? Deixe sua opinião 🙂

Traduzido e adaptado de Small Bussiness Trends.

// Comente!

comentários

Olá, eu sou a Gabi e eu criei o "Eu Faço Programas" em 2011, quando ainda trabalhava em desenvolvimento web. Atualmente meu trabalho é focado em estratégia digital e redes sociais. Quer saber mais? www.imgabi.com

// Seja o primeiro a comentar!