Trabalhando com aspas no Banco de Dados

Quando você está trabalhando em queries no seu sistema deverá estar atento às aspas simples e duplas que podem ser inseridas pelo usuário. Se o tratamento adequado não for realizado, problemas com as queries poderão levar a erros e impossibilitar o acesso às funcionalidades.

Se a linguagem que você trabalha não tem um tratamento para isso, não se desespere. Criar uma função para substituir as aspas é super simples, basta seguir os passos para o SGBD adequado. Confira as dicas abaixo:

  • Para SQL Server

Ao utilizar o SQL Server as aspas simples devem ser substituídas por duas aspas simples. O SQL Server ‘entenderá o recado’ no momento em que a query for passada, substituindo as duas aspas simples por uma aspa simples.

Por exemplo, para o termo d”agua, o próprio SGBD substituiria isso por uma aspa simples novamente (d’agua).

  • Para MySQL

De maneira análoga, ao se trabalhar com MySQL o processo também é super simples. Nesse SGBD, teríamos de substituir as aspas simples por ‘ .

Por exemplo, para o termo d‘agua, o próprio SGBD substituiria isso por uma aspa simples novamente (d’agua).

// Comente!

comentários

Olá, eu sou a Gabi e eu criei o "Eu Faço Programas" em 2011, quando ainda trabalhava em desenvolvimento web. Atualmente meu trabalho é focado em estratégia digital e redes sociais. Quer saber mais? www.imgabi.com

// Seja o primeiro a comentar!